Medicina preventiva: qual é a sua importância?

A medicina preventiva foca no bem-estar e na qualidade de vida do paciente, reduzindo o impacto das doenças e evitando que elas se desenvolvam.

Atualmente, a maioria das pessoas só busca um médico em último caso, aumentando os riscos causados pela automedicação. No entanto, se os pacientes realizarem consultas de rotina e exames para check-up, algumas doenças mais graves poderiam ser evitadas. Por isso, a medicina preventiva é muito importante para a prevenção e o cuidado com a saúde. Continue a leitura e saiba tudo sobre o assunto!

O que é medicina preventiva?

A medicina preventiva é exercida por médicos, em sua grande maioria, pelo Clínico Geral. São profissionais que se dedicam a prevenir doenças através da promoção da saúde e da prevenção de doenças. Em uma consulta, os pacientes são informados sobre a importância de uma alimentação saudável, da prática de exercícios físicos, da higiene e da prevenção de comportamentos de risco.

Durante as consultas de rotina, o médico pode detectar sintomas e sinais suspeitos de diferentes doenças. O diagnóstico precoce é extremamente importante para a eficácia dos tratamentos. Por isso, é necessário que todos realizem exames de rotina regularmente, mesmo se não houver a aparição de sintomas. A medicina preventiva é dividida em quatro níveis:

  • Prevenção primária: o principal objetivo é evitar que surjam doenças através do diagnóstico precoce;
  • Prevenção secundária: trata-se de um método de diagnóstico e tratamento de doenças em estágio inicial;
  • Prevenção terciária: é a diminuição do impacto das doenças nos pacientes, com o intuito de reduzir as chances de complicações e sequelas;
  • Prevenção quaternária: são métodos que evitam intervenções sem necessidade em pacientes que apresentam quadros mais graves.

A importância da medicina preventiva

A medicina preventiva é essencial para a qualidade de vida dos pacientes. Em uma consulta, os médicos irão incentivar os hábitos saudáveis e a realização de exames de check-up regularmente. Além disso, a prevenção de doenças é essencial para evitar que o quadro se agrave e que o paciente sofra com sequelas.

A telemedicina se tornou uma importante aliada para a medicina preventiva. Através de uma consulta online, o paciente tem acesso ao atendimento médico de qualidade sem precisar se deslocar para uma clínica ou consultório.

Além disso, as teleconsultas facilitam a relação entre médicos e pacientes. Isso porque é possível tirar dúvidas sobre medicamentos e possíveis efeitos colaterais de forma rápida e sem sair de casa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.