Receita médica digital: como utilizar?

Você já ouviu falar em receita médica digital? Essa é uma das ferramentas da telemedicina que ainda gera muitas dúvidas nos pacientes que pretendem realizar uma consulta online. No entanto, a receita digital assemelha-se ao modelo entregue pelos médicos durante uma consulta presencial.

Diante da pandemia do coronavírus, o setor da saúde passou por diversas mudanças. Uma delas foi a autorização da prática das teleconsultas. Portanto, a receita médica passou a ser emitida de forma 100% digital durante esses atendimentos.

Quer saber como a receita médica digital deve ser utilizada? Preparamos um artigo completo sobre o assunto. Boa leitura!

O que é receita médica digital?

A receita médica digital está cada vez mais presente no cotidiano dos profissionais da saúde e dos pacientes. A Portaria nº 467 do Ministério da Saúde, publicada em 20 de março de 2020, determinou que a receita médica digital é um documento que pode ser encaminhado para o paciente em formato PDF. 

Portanto, a receita médica digital pode ser utilizada tanto em teleconsultas quanto nas consultas presenciais. Para validar a receita, o médico deve possuir um certificado digital dentro do padrão ICP-Brasil. Para emitir a receita, basta que o profissional esteja conectado ao seu consultório na nuvem, que irá armazenar o documento e enviá-lo diretamente ao paciente.

Quais medicamentos podem ser prescritos por receitas digitais?

Segundo o regulamento da Anvisa, é possível emitir uma receita médica digital para medicamentos antimicrobianos e medicamentos controlados específicos, como: controladores hormonais, antipsicóticos, ansiolíticos, anticonvulsionantes e antidepressivos. No entanto, os medicamentos indicados por receitas azuis não podem ser emitidas nas teleconsultas, pois é necessário que elas sejam enviadas em formato físico para a retenção na farmácia.

Como utilizar a receita médica digital?

Após a consulta online, o paciente recebe todos os documentos solicitados pelo médico através do e-mail em formato PDF. A receita médica digital é verificada pelo farmacêutico, que irá registrar a compra e assiná-la digitalmente.

Para utilizar a receita médica digital, não é necessário imprimir o documento, que pode ser enviado diretamente para a farmácia. Isso significa que também é possível adquirir os medicamentos receitados através do sistema de entregas da farmácia.

Como é feita a validação da receita?

O Governo Federal disponibilizou o portal Validador de Documentos Digitais, com o objetivo de verificar a autenticidade da receita médica digital. A validação da assinatura irá verificar se o médico possui o registro profissional ativo e se está apto a prescrever os medicamentos. Além disso, o portal permite a validação de pedidos de exames, atestados e relatórios médicos.

Agora que você já sabe como emitir uma receita médica digital, chegou a hora de escolher uma plataforma de telemedicina para disponibilizá-la aos pacientes!

Por isso, a W3.Care desenvolveu o TeleCare Consultório, um consultório na nuvem completo. A plataforma possui todos os recursos necessários para o atendimento por telemedicina de forma segura e simplificada. Com ele, é possível realizar consultas online em qualquer lugar, sem dificuldades e burocracias. Além disso, o TeleCare possui o recurso de emissão da receita médica digital, dentro do padrão ICP-Brasil.  Entre em contato e solicite uma demonstração.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.